Tag Archive: aviões


Aeroporto de Daocheng Yading (China)

Aeroporto Daocheng Yading china

 

Tipo: Nacional| Número de pistas: 1 | Deslocamento de aeronaves: Não divulgado| Deslocamento de passageiros: 280,000 [Previsão]

O mais recente aeroporto adicionado à lista de únicos. Isso porque foi no dia 16 de Setembro desse ano que sua construção foi concluída e o primeiro voo foi recebido.

Ele foi reconhecido como mais alto aeroporto civil do mundo, permanecendo a uma altitude de 4.411 metros acima do nível do mar. A decolagem dos aviões deve ser relativamente mais fácil, já que sua altura é considerada a metade da altura de um voo regular. Com esse recorde, o aeroporto conseguiu desbancar o título do Aeroporto de Qamdo Bamda (também na região do Tibete), que está a uma altura de 4.334 metros.

Aeroporto Daocheng Yading china inauguração

Equipe do 1° voo realizado no aeroporto

Aeroporto Daocheng Yading china inauguração2

O aeroporto de 1,58 bilhões de yuan (258 milhões de dólares) foi construído em Garzi, no sudoeste da província de Sichuan, uma região com grande concentração de tibetanos. Ele foi construído para conectar a região com a capital da província, Chengdu (antigamente, a viagem de ônibus levava dois dias, o que agora leva apenas uma hora). 

Por causa da elevação, os motores das aeronaves produzem menos impulso (o que acabou exigindo a construção de uma pista de pouso mais comprida). Sua pista possui 4.200 metros, 242 metros a menos do que a pista mais longa do aeroporto John F. Kennedy em Nova York.

Aeroporto Daocheng Yading china construção pista

Foto aérea da pista de pouso, na época da construção do aeroporto

O local foi projetado para receber 280 mil passageiros por ano, e o governo da China espera estimular o turismo na região, atraindo 15 milhões de turistas à região do Tibete até 2015. Entre os pontos de mais interesse estão a Reserva Natural de Yading (uma área montanhosa que é conhecida por peregrinações tibetanas) e picos santificados pelo 5° Dalai Lama (Monte Yangmaiyong, Monte Xiaruoduijie e Monte Xianairi). Essa região também é conhecida por ser pouco explorada por pessoas de outros locais. 

Aeroporto Daocheng Yading china2

Controversas

Entretanto, tanto o plano turístico quanto o aeroporto são controversos, por ajudar a manter o controle político da China sobre o Tibete. A região havia decarado sua independência do governo Chinês em 1913, mas o exército reentrou no país em 1950, trazendo de volta o controle da China (e vários protestos) até os dias de hoje.

Alistair Currie, ativista a favor da “Libertação” do Tibete alega que “esse não é um destino para se passar as férias. Mais de 95% dos visitantes do Tibete são chineses, e os interesses econômicos são dominados por imigrantes ou companhias chinesas. Os benefícios econômicos desse tipo de desenvolvimento quase  sempre não ficam para a região. Para a China, a cultura e paisagens Tibetanas são apenas um recurso a ser explorado”.

Entretanto, é inegável o investimento da China em criação de aeroportos e incentivo ao turismo. Talvez com mais facilidades de acesso, turistas estrangeiros também possam se beneficiar do conhecimento de várias regiões até então pouco exploradas.

Fontes:
Amazing Info
The Guardian
International Business Times

Anúncios

companhias aereas sustentaveis wordpress

Você gosta de viajar pensando no meio ambiente? Várias companhias aéreas têm evoluído quando o assunto é a colaboração por um mundo mais verde. Com o crescimento cada vez mais rápido de número de voos, produção de aviões e uso de combustíveis, as empresas mais inovadoras recebem (com merecimento) prêmios pela inovação e preocupação com o nosso planeta. Um desses prêmios é o Eco Aviation Awards (algo como Prêmio da Eco Aviação), realizado pela Air Transport World, revista especializada no segmento da aviação mundial.

Continue lendo

Aeroporto Don Mueang 

 (Tailândia)

don Mueang aeroporto tailandia

Tipo: Internacional  | Número de pistas: 2 | Deslocamento de aeronaves: 34,261 | Deslocamento de passageiros: 5,983,141 [Dados de 2012]

Olhando de longe, o aeroporto parece normal como qualquer um. Entretanto, no meio das duas pistas se encontra nada menos do que um campo de golfe ativo.

Na área destacada, o campo de golfe que ocupa toda a extensão das 2 pistas

Na área destacada da imagem de satélite, o campo de golfe que ocupa toda a extensão das 2 pistas

Os primeiros voos para Don Muang foram realizados em 8 de Março de 1914, envolvendo o transporte de aeronaves da Força Aérea Real Tailandesa. Três anos antes, o governo da Tailândia enviou três oficiais do exército para a França, para serem treinados e se tornarem pilotos. Quando completaram seu treinamento, foram autorizados a comprar quatro modelos Breguets e quatro Nieuports, que formaram a base da Força Aérea.

Os voos comerciais começaram em 1924, com a primeira chegada de um modelo da companhia KLM. Como originalmente o aeroporto era de operações militares e já possía a pista de golfe no local,  o campo foi mantido após a abertura de voos comerciais.

Modelos Air America Turbo Porters no aeroporto em 1966.

Modelos Air America Turbo Porters no aeroporto em 1966.

O campo de golfe, chamado de Kantarat (a antiga Força Aérea Real Tailandesa), começa a aproximadamente 800 metros ao sul do terminal doméstico. O aspecto do local pode não ser do padrão de um campo para campeonatos internacionais (o terreno é totalmente plano e reto). Entretanto, é impossível não deixar de lado a dificuldade de jogar tendo que lidar com os ruídos de aviões de grande porte e o efeito causado nas bolas de golfe por conta dos pousos e decolagens.

don Mueang aeroporto tailandia aviao

don Mueang aeroporto tailandia aviao3

Por incrível que pareça, o campo não possui nehum tipo de separação entre as pistas.  A única restrição é um aviso luminoso indicando quando não é possível se locomover (por conta do trânsito de aeronaves). Atualmente, o acesso se tornou mais restrito devido a medidas de segurança e pelo aumento de tráfego de aviões (o que impressiona pelo fato de não ser restrito há tempos atrás)

À direita, sinalização para prosseguir

À direita, sinalização para prosseguir

Fonte:

Popular Mechanics 

Tee Times

Airport Data

Aeroporto da Madeira (Portugal)

aeroporto madeira

Tipo: Internacional  | Número de pistas: 1 | Deslocamento de aeronaves: 21,346| Deslocamento de passageiros: 2,311,380 [Dados de 2011]

Madeira é uma pequena ilha distante da costa de Portugal. Por isso existe a necessidade de um aeroporto capaz de receber aeronaves comerciais é vital para seu desenvolvimento. A pista original começou a funcionar em Julho de 1964 e tinha aproximadamente apenas 1,5 km de extensão. Por ser considerada curta, ela colocava em risco a segurança das aeronaves e limitava as importações e o turismo.

Além do comprimento da pista, os pilotos precisam estar atentos à influência do ambiente natural: devido às várias montanhas que ficam ao redor do aeroporto, é preciso “mirar” a aeronave na direção das montanhas e fazer uma forte curva para parar na pista. Os ventos quentes vindos do oceano se encontram com o ar mais frio e seco das montanhas, o que pode provocar turbulências. Foi desenvolvido então um auxílio para os pilotos: A pista então foi estendida para mais de 2,7 km. Ao invés de estendê-la por um aterro, foi construída uma enorme ponte, acoplada e sustentada graças à uma série de 180 pilares de concreto, cada uma com aproximadamente 70 metros.

aeroporto madeira construção

Construção da pista adicional

O projeto de enhenharia foi conduzido pela empresa brasileira Andrade Gutierrez e ganhou vários prêmios (entre eles o “Outstanding Structures Award” – Prêmio de Estrutura Marcante -) pela sua inovação e respeito ao meio ambiente. Apesar da estrutura parecer simples, a pista consegue suportar o peso de um boeing 747 e outros aviões similares.

Fonte:

Popular Mechanics
Rioblog

%d blogueiros gostam disto: